Quem Somos
Galeria de Fotos
         
 
Serviços
Notícias
         




Notícias

Quer melhorar seu saque? Então tenha uma escápula estável. Por Silviane Vezzani

23/08/2013
 

             Para poder ter potencia no golpe acima da cabeça, é necessário muito mais do que talento , é importante ter a ativação muscular na seqüência ideal, usando toda a cadeia cinética do corpo, que inicia nos pés e vai subindo pelas pernas, tronco, escápula, ombro cotovelo,mão e só então na raquete. Esta ativação em série, permite ao corpo gerar grande energia, que vai ser dissipada no membro superior e assim gerar um golpe com potencia.

            Qualquer falha nesta cadeia cinética, como: pés excessivamente pronados, retração da musculatura posterior, instabilidade pélvica ou escapular altera a reprodução do movimento do membro superior, fazendo com este trabalhe mais do que tem capacidade potencializando lesões e deixando de executar um gesto ideal.

            A falha mais comum que encontramos em tenistas, seja profissional ou amador, é a instabilidade escapular. Esta alteração ocorre por desequilíbrios de forças. Alguém está trabalhando mais do que outro, e geralmente é a musculatura estabilizadora que está em inibição, aquela que faz com que as nossas escápulas fiquem unidas.

            Podemos realizar vários exercícios para deixar esta musculatura apta novamente, mas é importante entender que devemos ter consciência de como ela funciona e treinar a retrair a escápula quando executarmos os exercícios. Parece fácil, mas não é, pois não conseguimos enxergar esta musculatura, o que dificulta o aprendizado, ela por outro lado está “dormindo” e é difícil acorda-la e ainda, se iniciarmos com exercícios muito pesados, ela continuará inibida e a musculatura forte irá assumir o papel.

            É, a coisa é complicada.

            Vamos ver alguns exercícios que estimulam esta musculatura, procure fazer no inicio com seu preparador físico ou fisioterapeuta para aprender corretamente.

1-     apoio na parede: antes de flexionar os cotovelos, una as escápulas. Avançar para apoio no chão

2-     Soco com a borracha ou halteres: deixe o braço reto em 90o de flexão, e leve para frente como fosse dar um soco, na volta retraia a escápula.

3-     Remada: inicie o movimento pela escápula e leve o cotovelo até a linha do ombro.

 

Procure realizar todos os dias. Seu saque irá agradecer. Aproveite e aumente também a flexibilidade do seu corpo, isto faz com que a energia seja melhor dissipada.